Mirante - Engenharia de Medições

Faça uma busca

Newsletter

Cadastre seu email em nossa lista e fique por dentro de todas as atualizações.

Drone LIDAR aplicado ao levantamento topográfico de ZAS (zona de alto salvamento) de barragem a montante

Localização:
MG
Duração:
1 dia
Publicação:
4 de agosto de 2022
Drone LIDAR aplicado ao levantamento topográfico de ZAS (zona de alto salvamento) de barragem a montante

Para esse projeto, a Mirante utilizou a tecnologia LIDAR acoplada em drone para o mapeamento de uma área com altíssima concentração de vegetação.

O objetivo do trabalho era fornecer ao cliente o Modelo Digital de Terreno (MDT), ou seja, a representação do relevo em curvas de nível com equidistância de metro em metro, subsidiando a elaboração de estudo de “dam break” determinado pelo órgão regulamentador, Agência Nacional de Mineração (AMN).

O levantamento aerofotogramétrico é muito satisfatório quando aplicado a locais em que não há muita vegetação, mas, por tratar-se de um sensor passivo, tem suas limitações. Dessa forma, em áreas com presença de vegetação densa, é recomendado o levantamento com o LIDAR, pois trata-se de um sensor ativo que consegue coletar informações do terreno por entre os vazios encontrados na vegetação.

Anteriormente, para esse tipo de levantamento topográfico, utilizava-se metodologias convencionais, com a necessidade de os técnicos percorrerem o terreno a pé, abrindo picadas na vegetação, exposto aos riscos daquela atividade. Em breve estimativa, seriam necessários no mínimo 40 (quarenta) dias para a realização desse trabalho, ou seja, 40 vezes o tempo dispendido com o Drone LIDAR da Mirante.

Descubra mais sobre o DRONE LIDAR na página da tecnologia, você vai se surpreender.

 

 

Imagens do projeto:

Somente para contato comercial